Galeria do Crashed

 facebook   feed   Instagram
 
 

Fotos RallySpirit Altice: Um sucesso, o regresso ao passado com “máquinas” míticas de outros tempos

O apelo era irresistível para os fãs do automobilismo: reviver os ralis de outros tempos, com algumas das máquinas que escreveram as melhoras páginas da história dos ralis! E as expetativas confirmaram-se: dois dias de grandes emoções na estrada, que a sexta edição do RallySpirit Altice transformou em “magia” para mais de 80 equipas e muitos milhares de aficionados do desporto automóvel. No plano desportivo, destaque para os triunfos de Ernesto Cunha/Valter Cardoso (Subaru Impreza STI) na Categoria “Spirit” e para Pablo Pazó/Ezequiel Simões (Talbot Sunbeam Lotus) na Categoria “Históricos”.

RallySpirit 1262

RallySpirit 1290

Conduzir um automóvel de quase 500 cavalos não é para todos e fazê-lo sentado ao volante de uma das máquinas que escreveram a história do Campeonato do Mundo de Ralis, muito menos. Um privilégio só ao alcance de alguns felizardos pilotos, que fazem questão de devolver a história de carros como o Audi Sport Quattro, o MG Metro 6 R4, o Ford RS200 ou o Lancia Stratos ao seu habitat natural: os troços de ralis, em vez de os colocarem num qualquer museu, partilhando, assim, com milhares de adeptos, as emoções vividas na geração de ouro dos Grupo B, dos anos 80.

É este, afinal, o espírito do RallySpirit Altice, que proporcionou uma emocionante viagem ao passado e a fundiu com o presente, onde máquinas mais modernas como os Porsche 991 GT3 ou o Skoda Fabia R5, também aceleraram o ritmo cardíaco dos entusiastas para quem os ralis são uma festa, mesmo em tempo de convalescença pandémica.

Rallyspirit 690

Durante dois dias, foram muitos os que não resistiram a acompanhar, na estrada, a sexta edição do evento organizado pela X Racing e Clube Automóvel de Santo Tirso, com epicentro em Barcelos e nas suas seletivas classificativas, mas que também pelas pitorescos troços de Santo Tirso e magníficos cenários da Serra do Pilar, em Vila Nova de Gaia, e do Passeio Alegre, na Foz do Douro, no Porto, dando um toque de charme ainda mais especial à etapa portuguesa do “Slowly Sideways Europe”, competição que reúne alguns dos mais emblemáticos “Rally-Legends” da atualidade. 

Mas apesar de todo o colorido que envolveu o evento e mesmo numa prova sem pontuações para qualquer campeonato, convém não esquecer que as figuras centrais são os pilotos e diz o seu ADN competitivo que… “perder, nem a feijões”! Por isso, foi com naturalidade que o RallySpirit Altice 2021 foi bastante disputado, por vezes, explorando até o limite da matemática, como quando, no final do primeiro dia, a diferença entre os dois primeiros classificados das duas principais categorias – “Spirit” e “Históricos” – foi de apenas 0,1 segundos!

 

Perante este assinalável êxito, tanto desportivamente, como de uma forma global e numa edição particularmente difícil de organizar, correu o pano sob o RallySpirit Altice 2021 e começa a contagem decrescente para a edição de 2022.

 E é caso para dizer: e como o tempo demora a passar…

CLIQUE AQUI para aceder à nossa GALERIA de imagens desta prova.

Caso tenha interesse, NESTAS ou noutras fotos do evento, não hesite em contactar-nos.

Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.